Controlando o cofrinho.

 

 

 

fonte: weheartit

Gastar é bom, né? Mas chega uma hora na vida que queremos gastar menos e guardar um pouquinho, seja para viajar, para comprar algo ou só para ter uma reserva – o que, para mim, é super importante.

Mas nem sempre é fácil fazer isso! Nem todo mês consigo guardar a quantia que quero, mas sempre gosto de ter uma quantia reservadinha. Meus pais me ensinaram a valorizar o que tenho e a não sair rasgando dinheiro loucamente, então cresci com um pouco de dó de gastar hahaha. Mas como aprender a controlar o cofrinho?

Em primeiro lugar, caso você tenha um salário/mesada fixo, tenha uma meta para guardar por mês. A quantia depende do quanto você recebe e dos seus gastos necessários. Mas, por menos que seja, isso já vai te ajudar a se controlar, já que, antes de comprar algo, você vai lembrar que precisa guardar um valor X e não vai gastar todo seu dinheiro.

Além disso, pense uma, duas, três, cinquenta vezes antes de comprar algo. Você realmente precisa daquilo? O dinheiro não vai te fazer falta e não vai fazer com que seu orçamento exploda? Não precisa deixar de comprar toda e qualquer coisa para sempre ou deixar de sair o mês todo, mas também não precisa sair comprando a Sephora inteira e sair para balada toda sexta e sábado.

Mantenha seus gastos organizados. Sempre que comprar algo, anote em algum lugar; principalmente se for no cartão de crédito. Isso vai fazer com que você saiba exatamente o que gastou e o quanto você ainda tem. Deixe isso em algum lugar visível, onde você sempre lembre de marcar e sempre lembre o quanto sobrou.

Caso você esteja guardando dinheiro por algum motivo, deixe algo que remeta àquilo onde você possa ver o tempo todo. Pode ser uma foto na parede, no celular ou no fundo de tela do computador. Assim, você vai ver seu objetivo o tempo todo e não vai perder o foco.

Caso seu dinheiro seja em papel, e não no cartão, é legal manter um cofrinho ou algo customizado com o nome do seu objetivo, como daqueles que vemos no Pinterest. Desse modo o dinheiro fica guardadinho de um jeito criativo e você não fica tentado a gastar, já que não vai ficar na sua carteira dando sopa.

Se ele estiver em uma conta, transfira o que sobrou no final do mês para uma conta poupança e deixe o cartão escondidinho, fora da carteira. Fazendo isso, fica como se o dinheiro não existisse e você não tem como gastar. Mas não vale ficar pegando o cartão! Também vale pedir para alguém – pai, mãe, irmão, namorado(a) – ficar com o cartão e não te contar onde está. Aí sim não vai ter como gastar!

Por último e mais importante: não deixe de viver para que tenha mais dinheiro. Não deixe de aproveitar a vida; ela é curta e você não sabe o dia de amanhã. A chave é sempre ter moderação 🙂

 

Anúncios